Seguidores

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Sete receitas com morango para a sobremesa

Merengue de chocolate com morangos Momentos inesquecíveis para as suas refeições Ingredientes: ½ xícara (chá) de açúcar (80 g) 2 claras 5 potes de danone de chocolate ao leite (550 g) 10 morangos lavados e cortados em 4 partes Folhas de hortelã lavadas para decorar Modo de Preparo: Misture o açúcar com 2 colheres (sopa) de água e ferva em fogo baixo por aproximadamente 3 minutos ou até formar uma calda levemente espessa. Bata as claras em neve e acrescente a calda ao poucos, continuando a bater até formar um merengue firme e frio. Forre uma assadeira com papel-manteiga, coloque o merengue em um saco de confeitar e faça 10 discos de aproximadamente 10 cm de diâmetro. Asse em forno baixo (150º C) e entreaberto (se necessário, coloque uma colher de pau na porta do forno) por aproximadamente 1 hora ou até o merengue secar e ficar crocante. Se o merengue começar a ficar muito dourado antes de ficar firme, controle a temperatura, desligando ou abrindo mais a porta do forno. Montagem: Coloque um disco de suspiro sobre o prato em que for servir. Sobre ele, ponha ½ pote de danone e um pouco de morango. Cubra com outro disco e disponha mais danone e morango, e decore com uma folha de hortelã. Monte as outras porções da mesma forma. Rendimento: 5 porções Tempo de preparo: 30 minutos Receita cedida por www.danette.com.br Morangos ao creme de chocolate Uma sobremesa simples mas extremamente saborosa Ingredientes: 1 xícara (chá) de morangos 1 colher (sopa) rasa de suco de limão 2 colheres (sopa) de adoçante em pó 1/2 xícara (chá) rasa creme de leite light 50 g de chocolate dietético picado 1 colher (café) de raspas de casca de laranja Modo de Preparo: Distribua os morangos em 4 folhas de papel alumínio. Misture o restante dos ingredientes e coloque por cima. Feche, formando uma trouxinha. Leve ao forno quente por cerca de 15 minutos. Sirva a seguir. Calorias: 280 kcal Rendimento: 2 porções Receita cedida pelo site Rudge SBC Muffins de morango light Adoce a sua tarde com esta sobremesa deliciosa Ingredientes: 1 ovo 2 xícaras (chá) de farinha trigo ¼ xícara (chá) de óleo ½ xícara (chá) de adoçante culinário 1 pitada se sal 1 xícara (chá) de morango picado 3 colheres (chá) de fermento em pó 1 colher (sopa) de raspa de laranja 1 xícara (chá) de leite desnatado Modo de Preparo: Misture os ingredientes secos numa vasilha. Acrescente os ingredientes líquidos e, em seguida, misture a massa até ficar homogênea. Despeje a massa em formas de muffins ou empadas, devidamente untadas e enfarinhadas. Asse em forno médio, pré-aquecido até que os muffins fiquem levemente dourados. Informações Nutricionais: Rendimento: 18 muffins Calorias: 92,1 kcal/muffin Carboidratos: 13,1 g Proteinas: 2,4 Lipídios: 3,3 g Receita cedida pela empresa Stevita - adoçantes naturais Pavê Light de Morango Sobremesa prática e rápida sem deixar de ser saborosa Parte 1 Ingredientes - 2 pacotes de gelatina diet - 1 copo (americano) de água - 200 g de morangos (meia caixa) Modo de preparar Dissolva a gelatina na água quente e reserve. Em uma forma redonda (20 cm de diâmetro), coloque os morangos inteiros e por cima a gelatina dissolvida. Leve à geladeira até endurecer. Pavê de morango Parte 2 Ingredientes - 6 colheres (sopa) de ricota - 1 copo e meio de leite desnatado - 9 colheres (sopa) de leite em pó desnatado - 5 envelopes de adoçante tipo Aspartame - 2 envelopes de gelatina branca sem sabor - 1 copo (americano) de água Modo de preparar Misture a gelatina na água fria e leve ao fogo até dissolvê-la por completo (não deixe ferver). No liquidificador, coloque a ricota, o leite desnatado, o leite em pó, o Aspartame e a gelatina dissolvida fria. Bata até a mistura ficar homogênea e em seguida, coloque a Parte 2 sobre a Parte 1 e leve a mistura à geladeira até endurecer. Para desenformar, passe o fundo da fôrma no vapor. Rendimento : 08 porções Calorias por porção: 50 Sonho com geleia de morango Delicie-se com uma sobremesa que tem poucas calorias Ingredientes: ½ xícara (chá) de leite desnatado morno - 120 ml 1 tablete de fermento biológico - 15 g 1 colher (sopa) de açúcar - 12 g 1 gema - 15 g 5 colheres (sopa) de azeite de oliva espanhol - 50 g 2 xícaras (chá) de farinha de trigo peneirada - 240 g 8 colheres (sopa) de adoçante culinário em pó - 12 g 1 pitada de sal 1 pitada de canela em pó 300 g de morangos picados em pedaços pequenos hortelã para decorar Modo de Preparo: Misture em uma tigela o leite com o fermento, o açúcar, a gema e o azeite de oliva (reserve 3 colheres das de chá). Adicione a farinha de trigo, a metade do adoçante, o sal e a canela. Mexa até ficar homogêneo e sove a massa por 5 minutos ou até soltar das mãos. Modele 30 pequenas bolas e arrume-as em 2 assadeiras, untadas com o azeite de oliva reservado. Com a ponta do dedo, aperte suavemente a parte superior da massa, cubra e deixe crescer por 1 hora. Passado o tempo de crescimento da massa, leve as assadeiras ao forno preaquecido em temperatura média (180ºC) por 20 minutos ou até os sonhos dourarem de maneira uniforme. Retire do forno e reserve. Coloque em uma panela os morangos, o adoçante restante e 50 ml de água. Leve ao fogo e cozinhe, mexendo de vez em quando, por 5 minutos ou até encorpar. Retire do fogo. Arrume os sonhos nos pratos com a cavidade para cima e nela disponha a geleia de morango e a hortelã. Decore com morangos. Informações Nutricionais: Rendimento: 30 sonhos de 15g Calorias: 55 kcal Carboidratos: 7,5g Proteínas: 1,5g Gorduras Totais: 2g (0,3 g de saturada, 1,5 g de monoinsaturada e 0,2 g de poliinsaturada) Colesterol: 6mg Fibras: 0,5g Ferro: 0,5mg Cálcio: 8mg Crepes recheados ao molho de morangos Incrementando a refeição ou uma sobremesa deliciosa Ingredientes para a Massa: 1 copo (250 ml) de leite desnatado 2 ovos 1 copo (250 ml) de farinha de trigo 1 colher (sopa) de margarina light 2 colheres (sopa) de adoçante dietético em pó, próprio para forno e fogão Óleo vegetal para untar a frigideira. Ingredientes para o Recheio: 500 ml leite desnatado 2 gemas 3 colheres (sopa) de amido de milho 2 colheres (sopa) de adoçante dietético em pó, próprio para forno e fogão 1 colher (café) de essência baunilha Morangos fatiados Ingredientes para a Calda: 100 g geléia de morango diet Água fervente o quanto baste Modo de preparo da massa: Bata todos os ingredientes da massa no liquidificador, até obter uma massa homogênea. Transfira para um recipiente e deixe descansar por 15 minutos. Faça os crepes em uma frigideira pequena, antiaderente, untada com óleo, dourando os dois lados. Empilhe os crepes num prato e reserve. Modo de Preparo do Recheio: Em uma panela, coloque todos os ingredientes do recheio, com exceção dos morangos fatiados, e leve ao fogo, mexendo sempre até engrossar. Deixe esfriar, e monte os crepes, recheando com o creme algumas fatias de morango. Modo de Preparo da Calda: Misture a geléia de morangos com água fervente até obter um molho líquido. Despeje sobre os crepes e sirva. Receita cedida pelo site Rudge SBC Ganache de menta com morangos Impossível resistir a combinação perfeita deste trio Ingredientes: 200 g de chocolate meio amargo 1 caixinha (200 g) de creme de leite 1 colher (sopa) de licor de menta 400 g de morangos Modo de Preparo: Pique o chocolate em pedaços pequenos, coloque-os em uma tigela refratária, leve ao fogo em banho-maria por 7 minutos ou até derreter. Junte creme de leite, licor de menta, mexa delicadamente por 1 minuto ou até o Ganache ficar homogêneo e retire do fogo. Lave, limpe os morangos, seque-os com toalha de papel, disponha-os em taças e regue com o Ganache. Se preferir, mergulhe os morangos no Ganache no momento de servir, no estilo fondue. Rendimento: 4 porções. Receita cedida pelo site Rudge SBC FONTE: http://www.minhavida.com.br/receita/galerias/15184-sete-receitas-com-morango-para-a-sobremesa?utm_source=news_mv&utm_medium=finaldesemana&utm_campaign=523825

sexta-feira, 18 de maio de 2012

Tortas, bolos e outras receitas que não podem faltar no seu cardápio

Tarte tatin de maçã Uma sobremesa, um lanche ou um aperitivo? A decisão é toda sua Ingredientes: 4 colheres (sopa) de adoçante culinário em pó - 6g ½ xícara (chá) de farinha de trigo - 60g 1 pitada de sal 2 colheres (sopa) de azeite de oliva espanhol - 20g 1 ovo batido - 50g 2 maçãs galas médias picadas em gomos - 260g 1 colher (chá) de essência de baunilha - 5 ml Modo de Preparo: Peneire em uma tigela 1 colher (sopa) de adoçante com a farinha de trigo e o sal. Misture a metade do azeite de oliva até obter uma farofa. Incorpore o ovo e 1 colher (sopa) de água. Ao ficar homogêneo, embrulhe a massa com filme plástico e deixe descansar na geladeira por 30 minutos. Preaqueça o forno em temperatura média (180ºC). Misture em uma panela o restante do adoçante e do azeite de oliva com 50 ml de água. Leve ao fogo e cozinhe, mexendo de vez em quando, até obter uma calda. Junte as maçãs e a baunilha. Depois de 1 minuto, retire do fogo e reserve. Em uma assadeira baixa (25 cm de diâmetro), espalhe as fatias de maçã de maneira uniforme, distribua a calda e cubra com a massa, fechando as laterais para não perder a calda. Se preferir, use assadeiras individuais. Leve ao forno por 20 minutos ou até a massa dourar. Retire do forno. Montagem: ao amornar um pouco, desenforme, arrume nos pratos e decore com sementes de papoula, canela em pó e canela em rama. Informações Nutricionais: Rendimento: 4 porções de 70g Carolias: 225 Kcal Carboidratos: 32g Proteínas: 6g Gorduras Totais: 9,5g (1,5g de saturada, 6g de monoinsaturada e 1g de poliinsaturada) Colesterol: 53mg FibraS: 5,5g Ferro: 1,5mg Cálcio: 21mg Rabanada com compota de maçã e queijo brie Será impossível resistir a essa delícia Ingredientes Rabanada: 20 fatias de pão francês ou brioche amanhecido 200 ml de leite 2 ovos 2 colheres de sopa açúcar 1 colher de chá de essência de baunilha Manteiga Modo de Preparo: Misture o leite, ovos, açúcar e essência de baunilha. Passe nas fatias de pão dos dois lados. Frite em frigideira com pouca manteiga, dourando dos dois lados. Ingredientes Compota: 4 maçãs vermelhas fatiadas 2 colheres de sopa de açúcar 50 ml de água Modo de Preparo: Coloque todos os ingredientes em uma panela e cozinhe em fogo baixo até ficar cremoso. Passe no liquidificador rapidamente, deixando alguns pedaços de maçã. Montagem: Coloque uma porção de compota sobre cada rabanada. Acrescente uma fatia de queijo brie. Decore com lâminas de maçã fresca e cebolinha francesa. Quentão com Maçã Fuja do frio com esta bebida Ingredientes: Xícaras de pinga 3 xícaras de água 3 xícaras de açúcar Meio copo de suco de laranja Suco de 1 limão Gengibre em pedaços pequenos Cravo-da-índia Canela em pau e em pó 1 maçã em pedaços pequenos Modo de Preparo: Junte o açúcar, o gengibre, o limão, o cravo e a canela até que o açúcar derreta. Adicione a água e a pinga e o suco de laranja e deixe cozinhar por cerca de 25 minutos em fogo baixo. Adicione a maçã em pedacinhos e sirva. A receita tem 339 calorias por porção Pão doce com maçã Aproveite a fruta que faz parte de qualquer tipo de cardápio Ingredientes: 1 colher (chá) de sal (6 g) 1 xícara (chá) de leite morno (220 ml) 1/2 xícara (chá) de açúcar (80 g) 2 maçãs verdes cortadas em fatias finas (cerca de 340 g) 5 xícaras (chá) de farinha de trigo (600 g) 2 tabletes de fermento biológico (30 g) 3 ovos (cerca de 150 g) 1/2 xícara (chá) de margarina. Para Polvilhar: 4 colheres (sopa) de açúcar (60 g) 2 colheres (chá) de canela em pó (3 g) Modo de Preparo: Misture o fermento e o açúcar, até obter uma mistura líquida, junte o leite, a margarina, o sal e os ovos. Adicione a farinha de trigo aos poucos e sove, até obter uma massa maleável que solte das mãos. Coloque em uma tigela, cubra com filme plástico e deixe descansar por cerca de 2 horas ou até dobrar de volume. Cozinhe as fatias de maçãs por cerca de 3 minutos ou até que amoleçam levemente. Escorra. Divida a massa em 5 partes, enrole cada parte como um cordão, segure nas duas extremidades e torça. Enrole formando uma espiral, coloque em assadeira polvilhada com farinha de trigo. Arrume as fatias de maçã no centro da espiral formando uma flor. Misture o açúcar e a canela, polvilhe sobre as fatias de maçã e toda a superfície dos pães. Deixe crescer em lugar protegido por cerca de 1 hora. Leve ao forno pré-aquecido à temperatura média (180 graus) e asse por cerca de 30 minutos ou até que doure. Receita cedida pelo site Rudge SBC Muffin de maçã Incremente a hora do café com um lanche nutritivo e cheio de sabor Ingredientes: 3 maças vermelhas sem casca, picadas 10 ml de suco limão 15 g de fermento em pó 1 colher chá de bicarbonato 1 pitada de sal 1 colher de chá de canela em pó 150 g de farinha de trigo especial ¼ colher chá de noz moscada em pó 200 ml de iogurte desnatado 30 g de mel 1 ovo batido 40 g de margarina light Raspas de 1 laranja (só a parte amarela) Modo de Preparo: Misture a maçã com o suco de limão. Em outro recipiente, peneire a farinha, o fermente, o sal, a canela, a noz-moscada e o bicarbonato. Numa tigela pequena, misture o iogurte, o mel, a margarina derretida e as raspas da laranja. Despeje devagar esse creme sobre as farinhas e misture até ficar uniforme. Acrescente as maçãs. Coloque em forminhas untadas e asse em forno quente a 180ºC, por cerca de 20 minutos. Torta de Maçã Receita é prática e tem recheio flambado Ingredientes da Massa: 1 kg de farinha de trigo 400 g de manteiga sem sal 1 pitada de sal 150 g de açúcar 300 ml de leite Ingredientes do Recheio: 8 maçãs 1 cálice de rum 100 g de manteiga 1 colher (sopa) de óleo 200 g de açúcar Modo de Preparo: Em uma vasilha grande, misture a farinha, o sal e o açúcar; Corte a manteiga em pequenos cubos e junte à massa; Vá mexendo com as mãos até obter uma consistência de farofa, acrescente todo o leite e continue mexendo com as pontas dos dedos; Quando tiver uma massa homogênea, coloque em um saco plástico e deixe descansar na geladeira por 1 hora. Para o recheio, descasque as maçãs, corte em quatro partes e tire as sementes; Em uma frigideira coloque a manteiga e o óleo; Quando a manteiga derreter coloque as maçãs e o açúcar e deixe dourar; Acrescente o rum, acenda um palito de fósforo e jogue na frigideira para flambar; Retire as maçãs da frigideira e deixe resfriar. Montagem: Estique a massa com um rolo de confeiteiro, deixando maior que o tamanho da forma; Em uma forma untada com manteiga coloque a massa deixando as sobras para fora; Coloque as maçãs e cubra com a massa que ficou para fora da forma; Leve ao forno pré-aquecido a 200º C por 20 minutos; Retire, corte a torta em pedaços e sirva. Receita do chef de cozinha Olivier Anquier Bolo de maçã Nessa receita você não disperdiça nem a casca Ingredientes: 1 xícara (chá) de uvas passas pretas 1 ½ xícara (chá) de vinho tinto 4 ovos 1 xícara (chá) de óleo Casca de 2 maçãs 2 maçãs, em cubinhos 1 ½ xícara (chá) de açúcar 1 pacote de biscoito tipo maizena (200g) 1 colher (sobremesa) de canela em pó 1 colher (chá) de fermento em pó 2 xícaras (chá) de farinha de trigo 1 xícara (chá) de nozes, picadas Para acompanhar: 1 pacote de tortinhas sabor chocolate branco (160g) sorvete de creme Modo de Preparo: Deixe as uvas passas de molho no vinho por 3 horas. Bata no liquidificador os ovos, o óleo, o açúcar, as cascas de maça e reserve. Leve ao processador o biscoito tipo maizena e bata até obter uma farofa. Numa tigela grande, coloque a farinha de trigo, o fermento, a farofa de biscoito tipo maizena, as maçãs, a canela e mexa bem. Acrescente a mistura do liquidificador, as nozes, as uvas passas e mexa até envolver bem todos os ingredientes. Unte com manteiga ou margarina polvilhada com farinha de trigo uma forma com cone central, acomode a massa e leve ao forno pré-aquecido 180ºC por 40 minutos. Leve ao processador as tortinhas sabor chocolate branco e bata até obter uma farofa. Retire o bolo do forno, desinforme, peneire açúcar e canela por cima e sirva quente com sorvete de creme e farofa de tortinhas sabor chocolate branco. Receita cedida pela Cozinha Experimental Adria FONTE:http://www.minhavida.com.br/receita/galerias/15151-oito-receitas-deliciosas-que-incluem-maca?utm_source=news_mv&utm_medium=finaldesemana&utm_campaign=509614

terça-feira, 15 de maio de 2012

Fuja do frango grelhado e inove suas receitas

Ele é um verdadeiro clássico da dieta. Fonte de proteínas, com baixo teor de gordura e prático de preparar, o frango grelhado é sinônimo de prato magro. Mas, mesmo com esses atributos, muita gente torce o nariz para ele. O problema não está na carne em si, mas no modo de preparo, que acaba enjoando com o tempo ou é visto como sem graça. Mas é fácil entender a razão do frango ser bem vindo em um regime alimentar. Enquanto 100 gramas de carne vermelha crua levam 155 kcal e 5,1 gramas de gorduras, a mesma quantidade de frango possui 119 kcal e 0,23 gramas de gorduras. Mas tem como fugir do frango grelhado e ainda conseguir um prato saudável, sem precisar abolir a ave do cardápio. "Versátil, o frango possibilita refeições práticas e, por isso, é muito utilizado por quem faz dieta", explica a nutricionista Renata Garrido Mendes, do Hospital Nove de Julho. Por que comer frango Com elevado teor de aminoácidos (indispensáveis ao crescimento, conservação e reparação dos tecidos) e fonte de vitaminas do complexo B (útil para a formação de hemoglobina), a carne de frango é classificada como alimento saudável por ser pobre em gorduras, quando consumida sem a pele, já que essa pode ser até quatro vezes mais gorda que a própria carne. Desfiado Uma alternativa saborosa são os pratos que levam o frango desfiado, como o recheio de panquecas e crepes. Para tornar a refeição ainda mais nutritiva, a dica é apostar em combinações com vegetais, como o espinafre e a escarola. "Vale também optar por acrescentar leite desnatado e margarina light para o prato ficar mais leve", completa. Cozido ou ensopado Outra opção para quem está cansado do frango grelhado é partir para o modo de preparo na panela de pressão. Caso a panela de pressão não seja tentadora por conta da demora do processo, vale apostar no uso do microondas como aliado, garantindo assim uma alimentação saudável. Assado Quando nenhuma das opções parece perfeita para substituir o frango grelhado, surge a tentação do frango assado. O cheirinho da carne dourando provoca água na boca só de pensar. Porém, existe aí uma armadilha no prato: a pele, que leva grande quantidade calórica. Enquanto 100 gramas de peito de frango assado, com a pele, somam 162 kcal, a mesma quantidade, sem pele, carrega 150,5 kcal. "Para quem não quer prejudicar a dieta, a dica é retirar a pele, quando for consumir", salienta a nutricionista. Rolê de frango Para inovar no preparo do frango, vale apostar no preparo do conhecido bife à rolê, substituindo a carne vermelha pelo frango. Além disso, o preparo permite inovar nos recheios, que podem ser a tradicional combinação de legumes e pimentão e, para quem quiser fugir um pouco do regime, partir para combinações como o bacon e a pimenta. Ponto para o strogonoff Dá para variar o tradicional strogonoff de carne pelo de frango. "Fica ainda mais leve com creme de leite e margarina lights", sugere a nutricionista. Quero frango grelhado! Mas, se a ideia é não abolir o frango grelhado do cardápio, a nutricionista Renata Garrido Mendes aconselha usar a imaginação no momento de preparo. "É possível variar os acompanhamentos do prato principal para sair da salada de alface e até apostar em molhos diferentes para deixar o prato mais gostoso", explica. Segundo ela, vale optar pelos molhos branco, de ervas, de limão, de mostarda, de requeijão, entre outros. fonte:http://www.minhavida.com.br/alimentacao/galerias/10175-fuja-do-frango-grelhado-e-inove-suas-receitas

Jantar balanceado deixa seu metabolismo mais rápido

Comer à noite ajuda a emagrecer e também estimula o sono tranquilo Importância O jantar é a refeição que irá fechar a alimentação do dia com chave de ouro. Ele irá fornecer os nutrientes que faltam para que eles sejam fornecidos na quantidade adequada. Dessa maneira, como todas as refeições do dia, o jantar não deve ser omitido. Essa refeição irá preparar o corpo para o período de sono. Por isso, o jantar deve fornecer energia e um volume alimentar adequado, evitando sobrecarregar o organismo e permitindo um sono tranqüilo. Receba dicas e todo o suporte para chegar ao peso dos seus sonhos. Comece agora sua Dieta com a ajuda do melhor Programa de Emagrecimento da Internet Brasileira. Alimentos Muitos mitos cercam o que comer no jantar. Mas o mito campeão é a afirmação de que não se deve comer carboidratos à noite. É importante lembrar que frutas e legumes são bons alimentos para essa refeição e eles têm como maior quantidade de nutrientes os carboidratos. Nas refeições principais, incluindo o jantar, nenhum nutriente deve ser priorizado. Carboidratos, proteínas, gorduras, vitaminas e minerais devem ser fornecidos adequadamente. Além disso, não é o carboidrato no jantar que fará com que haja o ganho de peso. O aumento de peso é decorrência de um excesso de calorias obtidas durante o dia, e não por causa do carboidrato consumido no período noturno. Opções de alimentos O maior cuidado que se deve ter ao fazer o jantar é ajustar o volume da refeição com o horário de se deitar. Por isso, deve-se fazer essa refeição, pelo menos, uma hora e meia antes de ir para a cama. Optar por alimentos menor quantidade de gorduras é o ideal. Assim, frituras e molhos à base de maionese e queijos devem ser evitados. Grelhados, verduras, legumes cozidos devem estar presentes no jantar. Até o arroz com feijão pode ser consumidos, adequando a quantidade à aceitação de cada pessoa. Exemplo de jantar - 3 colheres (sopa) cheias de feijão preto cozido (38,8 kcal / 1 ponto) - 3 colheres (sopa) cheias de arroz branco cozido (91,5 kcal / 2 pontos) - 2 colheres (sopa) cheias de couve refogada (12,6 Kcal / 0 ponto) - 1 filé pequeno de carne bovina contra-filé grelhado (220 kcal / 7 pontos) - 1 copo requeijão de limonada sem açúcar (17,6 kcal / 0 pontos) - 1 unidade pequena de laranja (93,7 kcal / 1 ponto) Total: 474,2 kcal / 11 pontos fonte:http://www.minhavida.com.br/alimentacao/materias/10249-jantar-balanceado-deixa-seu-metabolismo-mais-rapido

Você cai nos mitos do jantar saudável?

Descubra se você sabe balancear sua última refeição do dia Muitas pessoas seguem um conhecido lema da dieta, que diz "no café da manhã devemos comer como um rei, no almoço como um príncipe e no jantar como um plebeu". Muita gente se agarra nesse princípio para perder ou manter o peso e acabam sacrificando o jantar, que é uma refeição tão importante quanto o almoço ou o desjejum. O que pode validar essa frase é que, de fato, nossas necessidades calóricas são menores nojantar. "No período noturno nós também consumimos energia para manter o bom funcionamento do organismo, só que em menor quantidade, pois estamos em descanso", afirma o nutricionista Edis Rodrigues, da Faculdade LS. Confira essas e outras dicas dos especialistas para fazer uma refeição campeã. Podemos comer carboidratos à noite? Sim.O aumento de peso é resultado do excesso de calorias consumidos no decorrer do dia, e não só durante o jantar. As refeições principais - café da manhã, almoço e jantar - devem incluir todos os grupos alimentares, sem priorizar nem excluir nenhum. "O ideal seriam os carboidratos complexos e de baixo índice glicêmico, que são absorvidos de forma mais lenta pelo nosso corpo e possuem fibras, tornando se mais benéfico para nossa saúde", explica a nutricionista Renata Saffioti, da Sabor Integral Consultoria. "Evite doces, massas, arroz e pães refinados. Prefira esses alimentos em suas versões integrais, bem como frutas e legumes", completa. O jantar deve ser balanceado da mesma forma que o almoço? Não, as quantidades variam. Em relação aos nutrientes sim, o jantar deve conter proteínas, gorduras, carboidratos complexos vitaminas e minerais, assim como no almoço. "Porém, o valor calórico deve ser menor, chegando ao máximo de 25% das necessidades diárias de calorias", conta Renata. "Além disso, o prato na hora do jantar pode ser menor do que na hora do almoço porque nosso corpo está se preparando para descansar, logo a quantidade de energia gasta é menor", diz a nutricionista. Posso comer gorduras à noite? Sim, mas prefira gorduras boas. "As gorduras devem estar presentes no jantar, porém é importante escolher o tipo da gordura de forma criteriosa", alerta Renata. Ingerir alimentos ricos em gorduras saturadas não é recomendado, pois além de serem alimentos muito calóricos possuem gorduras prejudiciais para a nossa saúde. "Uma boa opção de fonte de gordura para este horário é o azeite oliva, que contém gorduras benéficas para a saúde, mas ainda assim evite exageros", afirma a nutricionista. Posso comer arroz com feijão no jantar? Sim, mas não é obrigatório. "O arroz pode fazer parte do jantar em quantidades menores as consumidas no almoço", afirma a nutricionista Renata. Entretanto, de acordo com ela, isso não é uma regra, já que a recomendação para essas e outras leguminosas, como a lentilha e a soja, é de apenas uma porção por dia. Logo, se você comeu alguma leguminosa no almoço, não é necessário comê-las no jantar novamente. Posso jantar e ir para a cama logo depois? Depende do alimento que foi consumido. Ingerir alimentos ricos em gordura saturada, como queijos amarelos, chocolates, biscoitos, bolos, frituras e alimentos refinados, podem diminuir a qualidade do seu sono. "Entretanto, alimentos como iogurte e leite são fontes de triptofano, um percursor de serotonina, que podem até melhorar a qualidade do seu sono. Opte pela versão desnatada", explica Renata Saffioti. O tempo de espera para dormir após grande refeição dependerá da capacidade digestiva de cada um, mas podemos adotar a média de uma hora entre a refeição e o sono. Posso pular o jantar? Não Vamos imaginar que a sua refeição foi às 17h. Se você pular o jantar ficará um longo período em jejum - desse horário até a manhã do dia seguinte, quando acordar para tomar o café da manhã. Durante o período de jejum o corpo fica privado dos nutrientes necessários para produção de energia e execução de suas atividades vitais. Dessa forma, seu organismo acaba usando outras fontes de energia. "Logo, quando você for se alimentar novamente, seu organismo estocará boa parte do que foi consumido em forma de gordura", afirma o nutricionista Edis Rodrigues, da Faculdade LS. Além disso, de acordo com o nutricionista, passar muitas horas em jejum pode resultar em exageros na refeição seguinte, nos fazendo comer mais do que o recomendado. Pessoas que não estão em casa na hora do jantar devem optar pelo que? Montar um sanduíche. O jantar deve conter todos os nutrientes necessários para manter nosso corpo saudável, por isso não adianta sair comendo qualquer coisa só por falta de tempo. Pensando em praticidade e saúde, nada melhor do que um sanduíche de peito de frango no pão integral com cenoura, tomate e alface temperados com azeite extra-virgem, mais uma fruta de sobremesa, por exemplo. "O importante é incluir proteínas, carboidratos, vitaminas e minerais nessa refeição", completa Renata. Quais bebidas podem acompanhar o jantar? Sucos ou água. É importante evitar bebidas como refrigerantes, sucos industrializados ricos em açúcar e conservantes, além de bebidas a base de cafeína. "Bebidas a base de leite também devem ser evitadas logo após ou durante o jantar para não atrapalhar a absorção do ferro consumido", conta Renata. As bebidas mais indicadas seriam suco de frutas natural sem açúcar ou água. No caso das bebidas a base de leite, nada impede que você as consuma antes de dormir, uma hora após o jantar. Como já foi dito, elas podem até ajudar nosso sono. Posso substituir o jantar por um sanduíche todos os dias? Sim. "O lanche pode substituir o jantar desde que sejam balanceados e completos nos termos nutricionais", alerta a nutricionista Renata Saffioti. Sanduíches feitos com pão branco, frituras, embutidos, molhos industrializados e pobres em fibras, verduras e legumes, devem ser evitados ao máximo. "Consumir isso é ingerir também grandes quantidades de gorduras saturadas, sódio e calorias", explica o nutricionista Edis Rodrigues. De acordo com ele, optar por esse tipo de alimento pode levar um aumento de peso e até a obesidade, que em longo prazo causa problemas de saúde como hipertensão arterial e níveis aumentados de colesterol. É importante ressaltar que comer lanches todos os dias pode levar a monotonia alimentar, tornando a refeição menos prazerosa. Por isso, o ideal é sempre trocar os recheios e, quando possível, fazer uma refeição diferenciada. fonte:http://www.minhavida.com.br/alimentacao/testes/14221-voce-cai-nos-mitos-do-jantar-saudavel/resultado

segunda-feira, 14 de maio de 2012

Confira sete maneiras de afinar a cintura

Bambolê, boxe e azeite são grandes aliados da cintura fina É só pensar em fita métrica que o drama já começa. Afinal, que mulher não sonha em ter aquela cintura fininha? Conquistar as curvas pode parecer difícil, mas o personal trainer Juliano Farah, Gerente de Musculação da Cia. Athletica Brasília, afirma que praticamente todos os esportes ajudam. "O importante é sempre conciliar exercícios que estejam de acordo com a condição física do praticante, assim como uma alimentação equilibrada", diz. Confira todos os macetes que podem te ajudar a afinar a cintura sem comprometer a sua saúde: Trabalhe os músculos abdominais Responsáveis pela rotação do tronco e do quadril, os músculos abdominais oblíquos são a peça chave para uma cintura fina. O personal trainer Juliano Farah explica que os melhores exercícios para trabalhar essa musculatura são os abdominais simples ou o que promovem rotação do tronco. "Na academia, qualquer aparelho que proporcione esse movimento estará contribuindo para afinar a cintura", completa. Combine exercícios com o bambolê Quem diria que uma brincadeira de criança poderia ajudar a conquistar um corpo violão? "O bambolê é um exercício aeróbico que proporciona o fortalecimento muscular da região da cintura e gera um grande gasto calórico, ajudando no processo de emagrecimento", afirma Juliano Farah. No entanto, o personal alerta que esse exercício sozinho não é suficiente, já que ele fortalece apenas a região do abdômen. "É necessário combiná-lo com outras atividades para contrabalancear a musculatura trabalhada, além de um controle alimentar". O bambolê pode ser feito todos os dias de forma recreativa, ou conforme a indicação de algum professor. Faça aulas de boxe Esse esporte proporciona um alto gasto calórico e exige que o abdome fique contraído durante todos os momentos da aula, fortalecendo a musculatura e afinando a cintura. "O boxe também conta com um aquecimento muito puxado que dá um condicionamento físico completo para o praticante", diz o personal Juliano. A frequência pode ser entre três e cinco vezes na semana. Consuma mais azeite Uma pesquisa realizada pelo Instituto Salud Carlos III, da Espanha, em parceria com a Universidade de Cambridge, da Inglaterra, aponta que a ingestão diária de azeite evita a formação de gorduras na região da cintura. O estudo foi publicado na revista Diabetes Care e afirma que as gorduras monoinsaturadas presentes do azeite previne o acúmulo de gordura na região. A nutricionista Alice Carvalhais, do Instituto Mineiro de Endocrinologia, explica que o azeite pode ajudar desde que seja utilizado em uma dieta balanceada e em quantidade moderada. "O mais correto seria dizer que o azeite ajuda a manter o peso, ou seja, a não engordar", afirma. Invista nos chás digestivos Algumas plantas com ações digestivas podem auxiliar no funcionamento do intestino, contribuindo para manter a cintura fininha. A nutricionista Roseli Rossi, da clínica Equilíbrio Nutricional, em São Paulo, explica que o chá de hortelã, o chá verde e o chá mate são ótimas pedidas quando o assunto é afinar a cintura. "Eles ajudam o organismo a digerir gorduras e têm efeito termogênico, contribuindo para o emagrecimento", diz. Outro chá que ajuda a diminuir o inchaço é o de cabelo de milho, que regula as funções dos rins e da bexiga, combatendo o inchaço da região abdominal e das pernas. Gel redutor A dermato-funcional Rosângela Santana, do Espaço MAXIMA, em São Paulo, explica que o gel redutor contém substâncias que impedem a formação de gorduras, podendo contribuir para uma cintura fininha. "No entanto, a atividade física é primordial para complementar o uso do gel e de qualquer outro tipo de tratamento estético", afirma. O creme pode ser aplicado a qualquer hora do dia, com exceção de alguns que indicam passar antes de praticar atividade física e outros após. "A aplicação deve ser feita de cima para baixo ou em movimentos circulares e é importante esperar que o produto seja absorvido pelo corpo para depois colocar a roupa." Massagem modeladora A técnica consiste em movimentos rápidos e de forte pressão feitos por um profissional em determinada região do corpo, proporcionando melhor oxigenação local. "Se realizada três vezes por semana na área da barriga e cintura, a massagem modeladora pode ajudar a reduzir medidas", afirma Rosângela Santana. fonte: http://www.minhavida.com.br/beleza/galerias/15079-confira-sete-maneiras-de-afinar-a-cintura?utm_source=news_mv&utm_medium=hoje_no_mv&utm_campaign=500774

quarta-feira, 9 de maio de 2012

Lindas unhas em esmalte degradê – Passo a passo

Esta técnica de decoração de unhas é de muito bom gosto, além de ser fácil de fazer. Vamos ao passo a passo: Você vai precisar de: 3 ou 4 cores de esmalte que formem certo degradê. No exemplo foram usadas cores puxadas para o azul e na outra mão, vermelho. Use as cores que você possui em casa. Um pedacinho de esponja Um copo com um pouco de água Uma folha de papel Um esmalte transparente para o acabamento (pode ser com ou sem glitter) Modo de fazer (veja as imagens, para amplia-las, basta clicar sobre elas):
Molhe a esponja em um pouco de água (não encharque).
Passe uma linha de cada esmalte na parte molhada da esponja. Não deve sobrar nenhum espacinho entre uma linha e outra.
Dê duas batidinhas bem de leve sobre uma folha de papel. Isso serve para juntar melhor as cores.
Alinhe a ponta da esponja com a ponta da unha e aplique como se fosse um carimbo. Não precisa ficar exato. Reaplique os esmaltes na esponja a cada duas unhas. Assim, cada unha ficará com cores bem parecidas e sem falhas. Por fim, é só aplicar o esmalte incolor quando o degradê já estiver seco. Retire os borrões dos dedos com uma acetona. O trabalho é do http://thebeautydepartment.com/2012/04/pretty-polish-idea/

Balé para adultos iniciantes: aulas trazem benefícios ao corpo e à mente

Se você tem uma queda para dança e está procurando um exercício para fortalecer os músculos, trabalhar a coordenação motora e o equilíbrio, tem que experimentar o balé. Isso mesmo, essa aula não é só para crianças, pelo contrário. Hoje vamos mostrar como os adultos estão se dando bem nesta atividade. Concentração. Todos por aqui têm muita vontade de aprender. Afinal, fazer balé era um sonho que havia ficado no passado. Mas hoje, pessoas de qualquer idade podem encarar o desafio. Hulda Bittencourt, diretora artística da Cia de Dança Cisne Negro, explica que a atividade, além de agradável, é um ótimo exercício físico que mexe com todo o corpo. A procura pelas aulas na fase adulta não tem o objetivo profissional, mas sim a atividade física. June Pickering Nardini, de 52 anos, voltou a dançar após um intervalo de 30 anos. Ela, que até então, praticava musculação, descobriu que o balé podia ser muito mais prazeroso. Esses bailarinos profissionais mostram como o corpo pode ficar bem definido. A prática proporciona maior condicionamento físico, equilíbrio, coordenação motora, melhor postura e força muscular. E mesmo quem tem dificuldade para emagrecer pode tirar vantagens. Na pior das hipóteses, se não perder peso por alguma razão, o que dificilmente acontece, ela vai, pelo menos, ser modelada?, afirma Hulda. O físico fica mais elegante, a movimentação fica mais adequada, a pessoa se sente melhor?. A atividade também está caindo no gosto dos homens, que ainda são poucos, mas encontram muitas vantagens dançando. O aluno Rafael Vicente afirma que a atividade, além de todos os benefícios, tem um excelente resultado estético, tonificando a musculatura sem deixa-la com aparência hipertrófica. Se você gostou da ideia, procure uma escola de balé. Mas antes, consulte seu médico.

Evite os contratempos da corrida

A roupa é leve, confortável e apropriada para a sua rotina de corrida. O tênis é zero-bala e você ainda tem pique para um treino digno de competidor de São Silvestre. Mas a empolgação é tanta que você passa batido por alguns procedimentos básicos do bom corredor, como alongar os músculos antes de se jogar na pista. E aí - ai que dor! uma fisgada na coxa é o suficiente para interromper a jornada e ter que voltar para casa, correndo o risco aliás de, muitas vezes, passar dias de molho. A situação faz parte de apenas um dos contratempos que colocam o sucesso da corrida em risco. O professor Rogério Orban, da academia Fórmula, de São Paulo, e especialista em fisiologia do exercício, dá as dicas para evitar esse e outros obstáculos que comprometam a atividade. Confira abaixo: Lá vem a cãibra São vários fatores que desencadeiam a cãibra, uma contração muito forte e desorganizada do músculo, que dói para caramba: desidratação, fadiga muscular, a carência de algum mineral importante no organismo (como sódio, magnésio e potássio, perdidos na transpiração), excesso de treino, entre outros. Daí, a importância de uma boa hidratação com água, sucos e isotônicos. "Par evitá-la é essencial estar bem hidratado, não aumentar o volume de treino bruscamente e respeitar o intervalo de descanso da atividade", diz Orban. Mas não é só isso. A musculatura pouco tonificada e mal alongada está mais sujeita às cãibras. Então, antes de treinar, estique todos os principais grupos musculares, avisando seu corpo de que o treino está prestes a começar. Também inclua banana, tomate e uvas passas na sua dieta, que são alimentos ricos em potássio. Se acontecer durante a atividade, tente realizar um alongamento leve na região e fazer uma massagem suave. Se possível, também coloque uma bolsa de água quente no local. Com a dilatação, os músculos relaxam e a dor desaparece. Pode acontecer de a cãibra gerar uma lesão muscular, portanto, se a dor persistir, é necessário procurar um médico. Faltou ar A falta de fôlego geralmente ocorre nos corredores iniciantes por falta de condicionamento físico para a atividade. Uma boa técnica para quem está começando é alterar a corrida com momentos de caminhada para ter uma breve recuperação. Por exemplo: faça 3 minutos de trote e dois minutos de caminhada. Essa alternância ajuda o atleta a prolongar a atividade aeróbia, que trabalha o sistema cardiovascular e respiratório, além de proporcionar uma melhor performance da musculatura trabalhada. "O aumento do tempo de corrida e a diminuição da caminhada deve acontecer de forma gradual, respeitando os limites de cada um", recomenda o professor da Fórmula. Dor de lado O desconforto que afeta a parte lateral na região da barriga, conhecido por dor de lado, geralmente é causado pela respiração (inspirar e expirar) incorreta. Para que não aconteça, é necessário realizar um aquecimento mais prolongado, como uma boa caminhada e, em seguida, passar para um trote leve. Caso a dor desponte durante o treino, é só diminuir o ritmo (caminhar ou trotar leve) e controlar a respiração, provocando uma inspiração e expiração mais profunda e lenta. Ih, torceu As torções no pé, tornozelo ou joelhos são lesões que podem ocorrer tanto no atleta iniciante quanto no avançado. Correr em terreno irregular, como gramado e trilhas, ou até mesmo sobre o asfalto ou calçada podem provocar este acidente. Para antecipar-se ao problema, fique sempre atento onde pisa, sempre direcionando o olhar até poucos metros a frente do seu caminho. "Evite correr olhando para baixo e tome cuidado com as olhadinhas para o lado. A concentração na trajetória é fundamental", diz Orban. Prevenir as lesões também passa por manter a musculatura da perna e dos quadris bem fortalecida. Os movimentos mais indicados para fortalecer a região muscular do quadril e proteger o corpo são denominados exercícios de cadeia cinética fechada, ou seja, que usam habilidade em estabilizar a coluna, o dorso e o quadril para sustentar e mover pesos. Alguns exemplos desse tipo de exercício são o agachamento, e os exercícios de musculação leg press horizontal ou 45° e o stiff. Uma boa alternativa de exercícios para fortalecer a panturilha, são aqueles feitos na cama elástica ou em uma superfície mais fofas - como caminhar descalço na areia - além de exercícios de musculação. Caso a torção se manifeste, coloque gelo no local e procure um médico para tratá-la. O retorno a prática de exercícios deve ser gradativo, com muito fortalecimento e fisioterapia e, de preferência, a corrida deve ser substituída por uma outra atividade aeróbia, com bike ergométrica, até que tenha a liberação do médico. Após liberado, a corrida deve ter ritmo gradual. Formação de bolhas A formação de bolhas nos pés pode acontecer com qualquer um. As causas mais comuns são tênis apertado ou não adequado para o seu tipo de pisada, meia úmida ou muito velha, provocando o atrito com a pele; aumento brusco no volume de treino e erro no apoio da passada durante a corrida (como frear durante a fase de apoio da passada). Deixar a pele dos pés bem hidratada ajuda a afastar esse tipo de problema. Se a bolha já deu as caras, jamais fure ou arranque a pele da região, pois isso pode ser a porta de entrada para fungos e bactérias e o gatilho para a manifestação de uma infecção no local. fonte:http://www.minhavida.com.br/fitness/galerias/5523-evite-os-contratempos-da-corrida?utm_source=news_mv&utm_medium=fitness&utm_campaign=485606

sexta-feira, 4 de maio de 2012

Missão tira-manchas

Louças, Porcelanas, Pratas, Utensílios …: Em manchas de café e marcas de cigarro em louças, friccione com um pano úmido e um pouco de bicarbonato. Manchas de café e chá em utensílios de plástico: limpe com bicarbonato. Roupas, Tecidos, Tapetes, Cortinas …: Remova mancha de suor em roupas colocando a peça com água morna e vinagre Batom: passe um pouco de vaselina sobre a mancha e depois lave com água morna e sabão, Nos tecidos não laváveis, passe um pouco de vaselina, em seguida limpe cuidadosamente com um algodão embebido em tetracloreto de carbono. Para remover manchas em tapetes: use creme de barbear. A espuma é um bom removedor e age instantaneamente. Lave em seguida. Em roupa manchada de café, passe rapidamente sobre o local uma pedra de gelo. Depois, enxugue com uma toalha ou lave com água morna e glicerina . As manchas saem com uma mistura de bicarbonato de sódio e água. Para tirar manchas de café antigas basta esfregar um pano umedecido com vinagre branco ou álcool. Manchas de café em roupas de algodão branco: Umedeça com água oxigenada e logo em seguida lavar com sabão de pedra.. Para retirar manchas de tinta de canetas em tecidos, deixe-os de molho em leite cru. -Tinta de escrever vermelha: borrife o local com laquê de cabelo.Esfregue com um pano bem seco. -Tinta esferográfica - passe,com delicadeza,álcool ou removedor de cutículas sobre a mancha outra opção é esfregar uma pedra de gelo com sabão em pó sobre o tecidoe depois passar um pano seco. Chiclete: comece esfregando, bem devagar, um pedaço de gelo sobre a mancha. Isso descolará os restos do chiclete. A seguir, embeba o local com tetracloreto de carbono. Se estiver em casa, tente este processo mais simples: pegue a roupa ou o sapato com chicletes e embrulhe com plástico.Coloque o saco no congelador e deixe lá por algumas horas. O chiclete se desprenderá. Graxa: cubra a mancha com um pouco de manteiga ou banha,para amolece-la. Umideça em seguida com terebintina e raspe cuidadosamente com uma faca aquecida, até tirar a crosta da graxa. Molhe outra vez com terebintina e esfregue levemente até secar. Manchas de vinho tinto: em peças de tecido: mergulhe imediatamente a peça manchada numa vasilha com leite, ferva a peça no leite e deixe de molho até a mancha desaparecer. Manchas de ferro de passar: Remova mancha amarronzada e queimada do ferro de passar esfregando uma solução de vinagre e sal ou usando solução de vinagre e sal aquecidos. As manchas escuras sairão. Mancha de maquilagem nas roupas: Uma fatia de pão pode remover mancha de maquilagem em roupas escuras. Manchas de clara ou gema de ovo: As manchas de clara ou gema de ovo devem ser lavadas simplesmente com água fria e sabão. Nunca em água quente. Perfume: coloque a mancha sobre um mata borrão branco e limpo e esfregue-a com algodão embebido de álcool. Deixe o álcool secar expondo o tecido ao sol. Coloque leite fervente sobre os tecidos manchados por frutas. Assim as manchas sairão facilmente. Mancha de sangue: Remova mancha de sangue em estofados cobrindo imediatamente com uma pasta de maisena e água fria. Esfregue ligeiramente e coloque o objeto ao sol para secar. Passe uma escova ou use água oxigenada de 20 volumes misturada com água comum, na proporção de uma parte da água oxigenada para nove de água comum. Aplique a mistura na mancha e lave a roupa como de costume. Meias encardidas: Para clarear as meias encardiadas, ferva-as com limão. Manchas de chocolate em lã: esfregue algodão ou um pano embebido em glicerina. Use depois outro pedaço de algodão, molhado em água morna, para retirar a glicerina. Em algodão de cores firmes: Embeba a mancha com álcool e, depois, com água quente (com algumas gotas de amoníaco). Seda, náilon, ou fibra sintética (ou lã fina): umedeça, prudentemente, com tetracloreto de carbono; enxugue com uma toalha levemente; recomece com tetracloreto, exercendo alguma pressão, sem esfregar, para não alterar as cores ou a textura do pano. Mancha Ferrugem: Remova ferrugem de roupas brancas aplicando suco de limão, água morna e sal; Use vinho branco para remover manchas de vinho tinto no carpete. Gordura: o truque mais fácil é muito conhecido: cobrir imediatamente a mancha com bastante talco. Deixe o talco por 12 horas sobre a mancha e depois escove: na maioria dos casos ,a mancha sai com o talco. Se a mancha resistir, coloque mais talco, mata-borrão e passe o ferro, bem em cima do mata-borrão. Se você não tiver talco, espalhe sal fino. em seda esfregue magnésia e exponha ao calor do fogo: a magnésia absorverá imediatamente a gordura. Mancha de mostarda – antes que seque, aplique sobre a mancha um pouco de sal. Estique a parte manchada sobre uma vasilha funda, procurando prender o tecido para que ele fique esticado. Misture uma colher de sopa de amoníaco numa vasilha de água fervendo e derrame, cuidadosamente, sobre a mancha, deixando o líquido atravessar o tecido. Enxágüe em água fria. Mancha de cerveja – com o papel toalha, absorva o mais rápido possível o excesso de cerveja. Passe a esponja embebida em álcool desnaturado sobre a mancha. Enxugue bem e repita até a mancha sair completamente. Manchas de doces ou bebidas açucaradas: lave com água morna e um pouco de álcool. Manchas de punho e golas: umedeça a gola e os punhos e esfregue sobre eles sabão de pedra. Deixe uns minutos e passe sobre o local, lixa de unhas. Enxágüe e logo lave todo o tecido. Manchas de barro: Em tecidos podem ser removidas, depois de secas, com uma simples escovada. Se elas persistirem, aplique uma mistura de água e vinagre, em partes iguais. Manchas em couro: As manchas em couro podem ser removidas com uma mistura de uma parte de glicerina para duas de álcool; Tinta de escrever vermelha: borrife o local com laquê de cabelo.Esfregue com um pano bem seco. Tinta esferográfica – passe,com delicadeza,álcool ou removedor de cutículas sobre a mancha. Mobílias, Sofás, Carro …: Manchas em peças de couro: coloque gotas de éter em um pouco de óleo de linhaça e passe na superfície manchada. Para remover piche de carro passe óleo de linhaça cru. Deixe o piche amolecer. Tire com um pano macio embebido em óleo. Goma ou cola de mobília podem ser removidas com creme de limpeza facila, pasta de amendoim ou óleo de cozinha. Para eliminar pequenas manchas de queimado da mobília, experimente esfregar maionese. Deixe por pouco tempo e limpe com um pano macio. Utensílios de isopor lave sempre com água e bicarbonato. Não use sabão. Remova mancha de copo e pingo de água na mobília aplicando uma pasta de óleo de cozinha e sal. Deixe por alguns minutos. Limpe e dê polimento. Pisos, Paredes, Louças sanitárias, Vidros, Pias …: Para remover manchas em pias de aço inoxidável, esfregue com fluido para isqueiro e lave bem em seguida ou use um pano umedecido com álcool ou vinagre branco aquecido para remover manchas de água no aço inoxidável. Tire mancha fresca de vidros com vinagre quente. Rosto, Mãos…: Remova tinta das mãos e do rosto com óleo de cozinha ou óleo de bebê. É o melhor jeito de remover tinta, porque não queima a pele. Sapatos de: Camurça: pulverize a mancha com talco e escove em seguida; Couro escuro: use a parte interna da casca de banana; Couro claro: limpe com leite cru ou batata crua Pelica: use borracha branca para lápis ou um pano embebido em benzina; Verniz: passe algodão embebido em glicerina, leite ou azeite de cozinha. Dê lustro com uma flanela; Tecido: limpe com álcool, benzina ou querosene. fonte: http://artesanatoemcasa.com/category/simplifique/

Coma fast food e emagreça mesmo assim

Lanchonetes Nas lanchonetes de sanduíches já é possível encontrar opções saudáveis. Saladas com grelhados e um suco é uma ótima opção. Fuja da batata frita, nuggets e sanduíches, carnes e crispy. Optar pelas saladas faz a quantidade de calorias da refeição despencar, se comparada com a da combinação sanduíche e batata frita. Nas pizzarias Opte por recheios magros, evitando queijos, calabresa, bacon. Opte pelas massas fina e descarte a massa grossa. Com borda recheada, então, é melhor ficar distante. Para beber? A melhor opção em qualquer restaurante é sempre o suco natural, e o ideal é passar longe dos refrigerantes. Se estiver comendo massas ou refrigerantes e não resistir à bebida alcoólica, opte por uma taça de vinho tinto. Acompanhamentos Escolha sempre pela menor porção, evitando as porções grandes e cheias de acompanhamentos. Nas cafeterias Evite os pãezinhos de queijos. Se for irresistível, fique com uma unidade de pão de queijo médio. Outra opção são os salgados assados. Croissant, empadas, massa folhada devem ser evitados. Para economizar mais calorias, o tradicional café expresso com adoçante ou, se preferir, um suco natural. Para a sobremesa Evite os sorvetes, tortas ou bolos. A salada de fruta, além de ser docinha, dá muitos nutrientes ao corpo como vitaminas e minerais. E quase nada de gorduras. Evite ao máximo os rodízios Eles te levam ao exagero alimentar, além de ser mais fácil cair na tentação com tantas opções disponíveis. Prefira sempre os restaurantes a la carte. FONTE:http://www.minhavida.com.br/alimentacao/galerias/2409-coma-fast-food-e-emagreca-mesmo-assim?utm_source=news_mv&utm_medium=finaldesemana&utm_campaign=473630