Seguidores

quarta-feira, 25 de abril de 2012

Drenagem linfática estimula circulação e traz bem-estar

O objetivo da drenagem linfática é ajudar a eliminar as toxinas do corpo e aliviar pontos de tensão para desobstruir a linfa (líquido que circula nos vasos linfáticos) como, por exemplo, a região do trapézio - que é uma área de tensão fica nas costas entre os ombros. Este ponto tensionado compromete a linfa do pescoço, que é a mais importante do corpo humano. Se nós aliviarmos a tensão do trapézio com massagens relaxante, vamos automaticamente desbloquear a linfa, e ao mesmo tempo nosso corpo vai sentir prazer e bem estar profundo. Essa sensação trás equilíbrio para o corpo, e ao mesmo tempo saúde para o sistema linfático. Quando fazemos uma drenagem linfática, temos que mergulhar com os toques sutis e bombeamentos como se estivéssemos sentindo ondinhas do mar. Elas passam levemente e levam as águas tranquilamente, como se a tranquilidade conseguisse alcançar a magia da leveza e a harmonia do corpo. O toque com compressão e descompressão auxilia muito o sistema linfático, e dá a sensação de eutonia - equilíbrio do tônus muscular - para a pele e musculatura. Sou contra as drenagens linfáticas com massagens modeladoras, onde os movimentos são fortes - já que o intuito é melhorar a celulite e gordura localizada. Quando a massagem é forte, pode acontecer uma distrofia tanto na pele como na musculatura - em suma, essas estruturas ganharão muita flacidez. Pode ser que na juventude - até uns 30 anos - isso não se perceba, mas o futuro é comprometedor. Além disso, a massagem forte pode até mesmo inflamar as linfas, comprometendo a circulação. Não é apenas a mente que precisa de férias e descanso, mas também o corpo e nossos músculos. É importante o desbloqueio de certos pontos do corpo humano para ajudar a destravar as linfas. Toques mais profundos em certos pontos de nosso corpo, ao mesmo tempo em que liberam a circulação, regeneram o tecido, musculatura, e colaboram com o desbloqueio do sistema linfático. O nome que se dá a estes pontos comprometedores é aponeurose. Aponeurose é uma membrana que envolve grupos musculares, isto é, a fáscia do músculo. Muitas vezes, há um enrijecimento desta área, comprometendo a circulação e a parte do sistema linfático. Aprenda a fazer a drenagem linfática Antes de começar a massagem, o ideal é alongar nas pernas. Deitado, você pode pegar uma toalha de rosto, dobrada de comprido, pisar no meio dela, esticar as pernas para cima o máximo que puder e puxar as bordas da toalha. Depois, relaxe e comece a massagem, com a perna para cima, se possível. Na parte interna da perna, acima da linha do calcanhar, nós temos os ossinhos dos pés, os maléolo, onde iniciamos a massagem com o dedo médio. Os outros dedos servem de apoio. Massageie em forma circular. Imagine que está pegando gotículas dágua, que devem ser levadas até a virilha (região inguinal), para o líquido poder ser liberado pela urina. Então começamos a jornada sentindo a bolinha e correndo com ela, só que vamos fazendo bombeamentos consecutivos e deslizamentos nos intervalos. O movimento deve ser muito sutil, como ondinhas do mar, com efeito suave sobre a pele. Devemos fazer uma pausa nos furinhos atrás dos joelhos - a região do poplíteo -, mais próxima à lateral da perna. Ali, vamos circular e puxar a gotícula d'água, percorrendo pela lateral até chegar na virilha. Nessa região, com a pressão de todos os dedos vamos fazer compressão e descompressão, de forma harmoniosa e que proporciona alívio. As manobras podem ser repetidas mais três vezes, se for de seu desejo. O movimento deve ser repetido nas duas pernas. Alguns dos ativos naturais que podem ser usados para estimular a circulação são: Centella Asiática, algas, café, guaraná entre outros. Alterne as mãos em movimentos de baixo para cima. Por exemplo: Inicie na base do pé e corra com uma mão e depois com a outra até o joelho por oito vezes, depois repita o movimento do joelho à coxa superior. A região do pescoço é onde o sistema linfático é concentrado, sendo uma boa área para começar seus movimentos, de modo a já ajudar no desbloqueio geral. Comece pelas laterais do pescoço, em sua base, junto ao maxilar, e deslize pelos lados com movimentos como se fossem ondinhas da maré. Deslize como se levasse gotículas d'água em direção às axilas. Depois levante o braço e faça compressão e descompressão na axila por duas vezes. Na região do abdômen, você pode circular o umbigo e depois ir abrindo, como uma espiral, por 12 vozes. Depois, use a mão direita para fazer movimentos de ondinhas da cintura para baixo, em direção ao púbis. Repita o movimento do outro lado. Isso ajudará a murchar o abdômen. O plexo solar dos pés também ajuda estimular a linfa. Quando estiver cansado, pise em uma bolinha de tênis ou em um limão e pressione os pés. fonte:http://www.minhavida.com.br/beleza/materias/13934-drenagem-linfatica-estimula-circulacao-e-traz-bemestar?utm_source=news_mv&utm_medium=beleza&utm_campaign=451951

Nenhum comentário:

Postar um comentário